Alegação de vida alienígena encontrada na atmosfera é refutada

Notícia de pequenas esferas liberando material biológico supostamente extraterrestre é repetição de outra de 2013

O artigo alega que a esfera da imagem libera material biológico extraterrestre, o que carece de confirmação

Repercutiram na internet nos últimos dias informações acerca a alegada descoberta de pequenas esferas, que seriam feitas de titânio e estariam liberando material desconhecido, encontradas após um experimento levado à estratosfera por um balão. A notícia é quase uma repetição de outra, de 2013, na qual seres unicelulares, em tudo idênticos a algas unicelulares chamadas de diatomáceas, foram encontrados.

Da equipe que apresentou o artigo relatando a descoberta faz parte o controverso Chandra Wickramasinghe, pesquisador indiano da Universidade de Buckinham, no Reino Unido, famoso por defender a hipótese da panspermia. Esta teoriza que a vida na Terra veio do espaço, trazida ela própria ou seus elementos constituintes em cometas, meteoros ou outros corpos celestes. Wickramasinghe vai além, alegando que vida alienígena ainda hoje chega à Terra por esses meios. Essa mesma equipe igualmente publicou um artigo no início de 2013, alegando haver descoberto micróbios alienígenas em um meteorito, porém eram de novo somente diatomáceas, organismo terrestre muito comum.

No artigo, que ao que tudo indica seja somente uma reprodução como acréscimos do texto anterior de 2013, a equipe afirma ter descoberto no mecanismo coletor do balão uma minúscula esfera de titânio e vanádio, de 0,03 mm de diâmetro. Quando esse objeto foi extraído do coletor, passou a vazar um material pegajoso, alegadamente de origem biológica. Alguns veículos e sites chegaram a publicar notícias de que seriam produto de uma civilização extraterrestre, que por meio desse mecanismo semearia sua biologia em planetas distantes. Outros chegam a falar que a esfera seria ela própria um ser vivo, e o tal vazamento seu mecanismo de reprodução.

SITE CONTROVERSO

O artigo, publicado no Journal of Cosmology, afirma que o objeto pode ter chegado à Terra trazido pela poeira de cometas. Um dos aspectos mais suspeitos de todo o caso é que Chandra Wickramasinghe é um dos editores do Journal of Cosmology, que não é bem visto pela comunidade científica por publicar textos sem qualquer preocupação de antes submetê-los à revisão por cientistas ou instituições de boa reputação. Um dos artigos recents, aliás, versa a respeito de bizarros e não comprovados fenômenos atmosféricos que seriam responsáveis pelo desaparecimento do avião da Malaysia Airlines.

O fato de a substância que aparentemente vaza da esfera conter carbono não significa de forma alguma que seja de origem biológica. Um dos trechos mais interessantes do artigo aponta que titânio e vanádio são comuns na Terra e no Universo, e o primeiro existe aqui na forma de microesferas de dióxido de titânio, feitas pelo homem, além de se originarem na fuligem derivada do carvão. Ou seja, existem explicações muito mais prováveis para a origem da esfera, do que esta ser produto de uma civilização extraterrestre. Igualmente, não se pode negar ou confirmar que, encontrada a 25 km de altitude, a esfera tenha mesmo vindo do espaço. A ausência de qualquer supervisão ou revisão por parte de outros cientistas, mais a falta de verificações por parte da equipe que faz as alegações, permitem classificar esse caso, no máximo, como duvidoso.

Confira o artigo original de Wickramasinghe e sua equipe

Visite o site do Journal of Cosmology

O blog Mensageiro Sideral comentou o caso

Refutada alegação de vida alienígena em meteorito

Ex-engenheiro aeroespacial alega ter trabalhado na Área 51

A farsa de Marte tão grande quanto a Lua se repete

Fonte: http://www.ufo.com.br/noticias/alegacao-de-vida-alienigena-encontrada-na-atmosfera-e-refutada

Anúncios

Obrigado por participar

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s