Maias: O Enigma Alienígena do Reino da Serpente

 
MÉXICO. No coração da selva, em Campeche, a cidade maia de Calakmul é um dos mais antigos e signignificativo complexo arqueológico da Penísulade Yucatan. Habitada por maisde mil anos, desapareceu, engolida pela vegetação até ser redescoberta anos anos de 1930. Hoje, é Patrimônio Cultural da Humanidade. No seu auge de desenvolvimento, abrigava uma população demais de 50 mil pessoas. O ‘Reino da Serpente’ tinha influência em uma área de 150 em torno da cidade. Tal como outras cidades maias, sua decadência é um mistério.
 
Seus tesouros arqueológicos são suntuosos: estelas, templos, escadarias, tumbas, templos, pirâmides. São mais de 60 mil estruturas e edificações, um verdadeiro museu ao ar livre. Há décadas, cientistas tentam decifrar caracteres e ornamentos que podem revelar detalhes sobre a história do lugar. Suas enormes pirâmides, inscrições e figuras nas pedras suscitam a idéia de que seres extraterrestres estiveram em contato com o povo de Calakmul.
O cineasta Juan Carlo Rulfo, com o apoio do governo do México e da Guatemala atualmente (2012) trabalha em um documentário cujo lançamento está previsto para dezembro de 2012. Informações divulgadas nos midia de todo o mundo revelam documentos até então mantidos em segredo que provariam a existência de pistas de pouso para naves espaciais entre outros indícios.
 
FONTE: Sur les traces des aliens au Mexique.
IMAGENS: Luca Penati/Pete Fordham. IN TripTeaser, publicado em 11/01/2012
[http://www.tripteaser.fr/mexique/reportage/1278/sur-les-traces-des-aliens-au-mexique]
 
Anúncios

3 comentários em “Maias: O Enigma Alienígena do Reino da Serpente

  1. Já a algum tempo que não vinha aqui ao site comentar, concretamente neste assunto, se é alienigena ninguem o sabe, só se fosse encontrado algum objecto desconhecido com materia prima desconhecida no planeta Terra, mas vamos aguardar pelo documentário.

    Curtir

  2. Há um pacto no ar, como se estivessem aguardando o momento propício para a divulgação em conjunto, da interferência alienígena sobre nossa civilização. De todos os meios estudados para essa divulgação definitiva, a menos “traumática” para a humanidade, segundo a psicologia informacional humana, como um todo, é a abertura ufológica pelos países dos menos importantes para os mais importantes, culminando com a divulgação pelos Estados Unidos, quando já estiver implantado o governo mundial. Este fato, de tamanha importância, seria divulgado e ao mesmo tempo seria feito um pedido mundial de união contra o suposto “inimigo”, ou seja alienígenas que respeitam nosso livre arbítrio e que na verdade estão é nos protegendo contra os que não possuem intenções pacíficas. Incas, Astecas e Maias são povos derivados dos atlantas, cujos conhecimentos astronômicos foram ofertados por extraterrestres. Os annunakis, nossos verdadeiros pais, habitam nibiru e nos visitam de 3.600 a 3.600 anos para verem como estamos nos saindo. Somos na verdade, um grande laboratório de genes, que através de hibridizações servem para ajudar geneticamente raças extraterrestres, que ao avançar tecnologicamente, perdem a sensibilidade, o arrojo, o instinto de sobrevivência, etc. Espiritualmente, presos em corpos de carne, somos forçados a evoluir…. há dois mil anos “alguém” aproveitou e nos ensinou que para sobrevivermos teríamos que somar esforços, quer em conjunto, quer individualmente…. a essa lógica chamamos de AMOR. Abraços …JIM.

    Curtir

Obrigado por participar

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s