Primeiro documento ufológico da Gendarmeria argentina liberado ao público

Relatório onde a Gendarmeria realizou a perseguição de um UFO, que agora será analisado pela Cefora

Trecho que menciona o Caso Las Ovejas, de 1968

Vivemos em 2011 um avanço substancial no quesito institucional e em relação ao estudo do Fenômeno UFO – também chamado fenômeno aeroespacial -, a partir da criação da Comissão de Investigação de Fenômenos Aeroespaciais (CIFA) no seio da Força Aérea.

Hoje temos em nossas mãos um documento que buscamos muito, já que todos os que pesquisam a Ufologia na Argentina sabem da importância que teve a Gendarmeria Nacional Argentina (GNA) [A Gendarmeria é uma Força de Segurança Nacional Militar, ligada ao Ministério de Segurança do país] na investigação de casos ufológicos, muitos deles vinculados a acidentes. Um dos mais conhecidos, foi o caso da queda na cidade de Joaquín V. González, conhecida como o Caso Sierras Coloradas, província de Salta, no ano de 1995.

Nesse mesmo ano, um avião da Gendarmeria, pilotado pelo comandante Gaitán e Rubén Cipuzak foram testemunhas privilegiadas da evolução de um UFO, que conseguiu desviar um voo da companhia Aerolíneas Argentinas, sob ordens do comandante Jorge Polanco.

Se remontarmos aos anos 60, nos encontramos com o Caso Las Ovejas de 31 de janeiro de 1968, onde a Gendarmeria, através do subtenente Carlos Rodolfo Michaux, chefe da Sec. Pichi de Neuquén, informou sobre a observação de uma luz branca, que ele mesmo foi testemunha em dezembro de 1967. Somente para citar breves referências de alguns dos casos onde a Força interveio direta ou indiretamente.

crédito: Visión OVNI/Cefora

ntegrantes do grupo Visión OVNI e Comissão Cefora apresentam ao Senador Provincial Cessar Garcilazo e às autoridades o documento da Gendarmeria

Integrantes do grupo Visión OVNI e Comissão de Estudos do Fenômeno OVNI da República Argentina (Cefora) apresentam ao Senador Provincial Cesar Garcilazo e às autoridades o documento da Gendarmeria

No entanto, nosso interesse arraiga-se em trazer à tona o primeiro documento que assume estado público a partir da reconstrução de um caso, no qual todas as testemunhas se encontram com vida e elaboraram um relatório, onde se deixa constancia e registro da observação a partir de um protocolo especificamente desenhado para dar lugar a este tipo de denúncias.

Este é o primeiro dos documentos que o grupo Visión OVNI [Das consultoras da Revista UFO Silvia e Andrea Simondini] compartilha e pede para que a sociedade esteja atenta, porque a partir da desclassificação deste tipo de arquivos, a verdade emergirá à luz. Para acessar as páginas do relatório, clique aqui.

crédito: Visión OVNI/Cefora

Relatório gerado em Campo de Mayo, em 05 de novembro de 1972

Uma das folhas do relatório, gerado na localidade de Campo de Mayo em 05 de novembro de 1972

Leia também:
Um passo gigantesco para a união do continente em Ufologia

Apresentada comissão oficial para estudo do Fenômeno UFO na Argentina

 

Fonte: UFO

Anúncios

Um comentário em “Primeiro documento ufológico da Gendarmeria argentina liberado ao público

Obrigado por participar

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s