Construção de base em cavernas na Lua é estudada por russos

Primeira colônia lunar poderia ser criada em 2030, servindo de apoio a missões à Marte

Abertura de caverna na região lunar de Mare Ingenii

Os Estados Unidos podem ter colocado o primeiro homem na Lua, mas cientistas e exploradores espaciais russos estão agora de olho em um novo objetivo: a criação de uma colônia por lá. A descoberta de túneis vulcânicos em nosso satélite poderia fornecer um abrigo natural para a primeira colônia lunar, disseram cosmonautas e cientistas nesta terça-feira (18).

Pesquisadores já suspeitavam que o passado vulcânico da Lua deixou uma rede subterrânea de túneis de lava, e imagens de 2008 da sonda japonesa Kaguya mostraram um caminho possível – um misterioso e profundo buraco surgindo na superfície [Veja Sondas espaciais revelam cavernas profundas sob a Lua].

“Esta nova descoberta de que a Lua pode ser um corpo poroso pode alterar significativamente a nossa abordagem de fundar bases lunares”, afirmou o cosmonauta veterano Sergei Krikalyov, que dirige o centro de treinamento russo Cidade da Estrela, nos arredores de Moscou, durante um fórum sobre o futuro dos vôos espaciais tripulados. “Se realmente for confirmado que há uma série de cavernas lunares que podem fornecer alguma proteção contra a radiação e chuvas de meteoros, ela poderia ser um destino ainda mais interessante do que se pensava”, disse ele.

Uma imagem de tendas infláveis pontilhando a paisagem lunar ajudou os participantes do fórum a imaginar as bases lunares. “Não haveria qualquer necessidade de escavar o solo e construir paredes e tetos”, disse Krikalyov. “Seria o suficiente usar um módulo inflável com uma casca dura exterior, falando a grosso modo, para vedar as cavernas”.

“A primeira dessas colônias lunares poderia ser construída em 2030”, estimou Boris Kryuchkov, chefe-adjunto de ciências no centro de treinamento. Como as agências espaciais do mundo debatem para onde voar além da órbita inferior da Terra, incluindo missões no espaço para asteróides e Marte, o chefe de programas de vôos espaciais tripulados da Agência Espacial Européia (ESA) disse que a Lua também parecia atraente. “Na ESA, ainda há um foco muito forte na Lua. Poderia ser um primeiro passo natural lá”, disse Martin Zell à Reuters. 

crédito: JAXA/SELENE

Possível caverna identificada pelos japoneses em 2007

Possível caverna identificada pelos japoneses em 2008

 Assista um dos vídeos da sonda Kaguya orbitando nosso satélite natural: 

 

Fonte: UFO

Anúncios

Obrigado por participar

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s